sexta-feira, 28 de dezembro de 2012

2012 - 2013



Para não encerrar o ano sem escrever neste espaço, deixo alguns versos que escrevi sobre o ano que se avizinha... Não sou poeta, nem tenho o costume de escrever versos, mas me arrisco a publicar para que vocês possam dar suas opiniões.



2012 – 2013

Meu presente
Agora é passado
E como se de repente
Meu futuro
Torna-se o presente

Sonhos, desejos
Planos e esperança
Me movem para frente
Em uma ideia vaga
Que hora latente

No peito
Bate forte uma bomba
Não explode, pulsa
Bumba... bumba...
Vibra, brilha e luta

É fim e começo
É o novo e o velho
Não é mais do mesmo
Mas lá no Tabuleiro
É o mesmo endereço

Na chegada do novo
No novo que hora chega
Quero, sem vacilação
Minha princesa, amor
E claro... Revolução!

0 comentários:

Postar um comentário

Busca

Receba por email

Perfil

Minha foto
Ex-diretor da União Brasileira dos Estudantes Secundaristas (UBES) e ex-presidente da União da Juventude Socialista (UJS) de Alagoas. Atual militante e presidente do Comitê Municipal de Maceió do Partido Comunista do Brasil, PCdoB.
Tecnologia do Blogger.

Seguidores